DESTAQUE
Moda

A MODA DAS PILCHAS FRIZZO – PARTE 2

O Rio Grande do Sul é um território formado por diversos povos, que desde o seu surgimento até os dias atuais tem orgulho de manter sua cultura e suas tradições gaúchas.

“Um dia, quando eu me for,
Rumbeando a Querência Eterna
Onde bolearei a perna
Diante do meu Criador,
Não chorem o pajador,
Do velho pago florido,
Que há de cantar comovido
Até o último repuxo,
Porque só em nascer gaúcho
Vale a pena ter vivido!”

Jayme Caetano Braun

MARCIA

Modelo: Marcia Teston

A indumentária tradicional da mulher gaúcha para as festas é o vestido com detalhes em renda. A vestimenta se complementa com conjunto de broche e brinco de camafeu.

ROSI

Modelo: Roselaine Fortes

Outra opção de indumentária feminina é a jardineira com babados. Acompanhada da clássica camisa branca com rendas, forma uma composição tradicional e romântica.

LIDIANE

Modelo: Lidiane Roggia

Para um fandango ou sarau, uma vestimenta adequada é uma saia rodada e camisa com detalhes em renda mostrando a feminilidade da mulher gaúcha. O acabamento do traje fica por conta da faixa na cintura.

NORMA

Modelo: Norma Xisto

Embora a bombacha não seja aceita nos fandangos, é uma roupa muita usada pelas mulheres para a lida campeira e participação em outros eventos, como rodeios e remates. Nas mesmas ocasiões são utilizados os coletes e as boinas. A bota é da grife Shana Müller.

Modelo: Greice de Bem Noro

Modelo: Greice de Bem Noro

Campereando pelos pampas nos dias frios, uma boa opção é o poncho. Esse é da grife gaúcha Shana Müller, que também assina o cinto, que dá um toque especial ao traje.

Modelo: Mariane Oppermann

Modelo: Mariane Oppermann

Para um dia no campo, uma capa estilosa para proteger do frio.

Considerando que no mês de setembro se comemora a Revolução Farroupilha, as Mulheres Donas de Si esperam ter contribuído para valorizar a tradição gaúcha, mostrando os diversos trajes femininos utilizados no Rio Grande do Sul.

Essas vestimentas podem ser encontradas na Loja Frizzo Pilchas, na Rua José Bonifácio, nº 2598. O ensaio fotográfico teve o apoio da Nação Verde.

Mensagem Anterior Próximo Post

Você Pode Gostar Também

Sem Comentários

Deixe uma resposta